A Fénix!

22 08 2012

Visite nossa fanpage de carros clássicos no Facebook!

Pessoal, é com grante satisfação que retomaremos as atividades neste blog, novas matérias, publicação de testes, e muitas novidades como por exemplo nossa fanpage no Facebook, a Word Classic Cars onde há foram postadas mais de 2000 imagens de carros clássicos do mundo inteiro, dividos por álbuns e países em imagens raras e em sua maioria grandes e/ou de alta resolução. Vão de  automóveis de grandes potências automobilístcas a até pequenas nações produtoras, entre nossas raras imagens foram publicadas muita publicidade antiga também. Vale a pena conferir, curta nossa página!

https://www.facebook.com/WorldClassicCars

Pedimos desculpas aos que acompanhavam nosso blog, vamos voltar de forma definitiva após quase 2 anos! É o corre-corre da vida, mas enfim quem curte automóveis esportivos, luxuosos antigos e as grandes marcas mundiais sempre será bem-vindo aqui e encontrará sempre coisas interessantes. Obrigado à todos e nos vemos amanhã!

Anúncios




“Vamos sacudir, sacudir pelas ruas.”

5 08 2010

King Tee e os chassis saltadores do Lowrider...

Lowrider é mais do que um carro “tunado” é uma cultura urbana criada pelos imigrantes hispânicos da Califórnia do pós-guerra. Suspensões hidráulicas, solenóides, muitas baterias e a devoção à Virgem de Guadalupe fazem parte deste extrato social que hoje é difundido mundialmente.

Precisamente nos anos 90 a cultura Lowrider encontrou outra cultura, a do Hip Hop da costa -oeste  americana, tanto que transformou o Impala principlamente os modelos 63 e 64 em ícones do rap na época. Os Lowriders passaram a serem desenvolvidos também nos guetos afro-americanos, e os rappers não ficaram de fora; Snoopy Doggy Dogg, Dr Dre, Cypress Hill, e também King Tee, que na minha opinião, tem o melhor clipe e música de Lowrider.

Na faixa ‘Dippin’ do album  IV Life, (na tradução do inglês, dippin é  algo como sacudir para frente e para trás) o rapper infesta as ruas do bairro Creenshaw, em Los Angeles, de Impalas de várias gerações, e outras barcas imensas como Cadillacs e alguns Monte Carlos. Hoje porém, a população negra dos EUA, deixou um pouco de lado os Lowriders, preferindo SUV’s modernas equipadas com um bom sistema de áudio e com rodas cromadas de grande aro, categoria essa chamada lá de DUB.

Espero que gostem da música e dos Lowriders, sempre que vejo esse clipe me dá vontade de ter um…

-Emerson Martinez

O Impala é o carro do Gangsta Rap...(Com uma pistola dessa quem precisa de blindagem? rsrsrsrs)





Luz sem Brilho

3 08 2010

Pouca luz e muita sombra no último domingo...

O primeiro dia de agosto calhou também de ser o primeiro domingo do mês, mas o Encontro de Antigos da Luz não foi de primeira. Poucos carros, um sol bem morno e muita sombra, tiramos poucas fotos que é um bom termômetro do movimento da feira. No interior da praça, que costuma abrigar o excedente de carros que chegam mais tarde, havia poucos carros, um pouco menos ainda e não haveria necessidade de sequer utilizá-la.

Já que em quantidade e variedade de carros o domingo estava ruim, resolvi então destacar um pouco do comércio no entorno da feira. Quem um dia resolver passear pelo evento, talvez possa adquirir alguns souvenirs que lá são vendidos. Posteriormente falaremos também de autopeças e revistas automobilísticas e manuais antigos.

SPLASH ADESIVOS

Splash Adesivos: Estampas, Banners e DVDs

No quiosque da Splash Adesivos, você pode fazer estampas de camiseta com uma grande variedade de desenhos e imagens relacionados ao mundo do automóvel. Ou você pode trazer uma outra imagem ao seu gosto  em arquivo USB. Adquirindo a camiseta na barraca mais a estampa o preço é de 25 reais, ou 12 reais se já tiver a camiseta.

Eu mesmo já fiz duas estampas com eles e o resultado é muito bom, desde que se siga alguns cuidados na hora da lavagem. A Splash também comercializa DVDs de provas de arrancada e eventos de carros clássicos, faz banners e adesivos para automóveis.

Belas estampas com grande variedade gráfica e com boa qualidade.

Eles também vendem DVDs, banners e adesivos.

Telefone Móvel: (011) 8536-1995, email: sac@splashadesivos.com.br

CDKolection

CDKolection: Miniaturas, vitrines e dioramas de ferroramas.

Meu amigo Daniel, o simpático argentino do quiosque CDKolection oferece muitas miniaturas principalmente das marcas Hotwheels, Matchbox, táxis da coleção Altaya de coleções já fora de catálogo e também a exclusiva coleção ‘Carros Brasileiros’ em edição limitada lançada pelo jornal Extra do Rio de Janeiro.

Daniel também faz vitrines para miniaturas em várias medidas, com bom acabamento em madeira, quem é colecionador como eu sabe da importância deste acessório para a conservação das peças que podem sofrer danos com o tempo devido a poeira, e as mãos curiosas e descuidadas de outras pessoas. Para finalizar eles também vendem dioramas antigos e importados para ferrorama.

Pela grande variedade das miniaturas e principalmente pela procedência de coleções já raras esse quiosque é o mais completo do evento, segue telefone e email de contato, lembrando que o Daniel só comercializa seus produtos na feira mensal.

A CDKolection vende a cobiçada coleção de miniaturas 'Carros Brasileiros' do jornal Extra.

 
 

Muitas miniaturas Hotwheels e Matchbox...

...e a rara coleção de táxis da Altaya.

Dioramas antigos e importados para ferrorama.

Contato: Telefone (011) 4368-0068, email cdanielkruger@yahoo.com.br

 

MIROX DESIGN

Enfim uma miniatura que se pode dirigir...

Este vale a curiosidade, a Oficina Mecânica Mirox Design produz carrocerias de um pequeno HotRod em fibra de vidro. Este das fotos possui motor de cortador de grama de 5cv de potência, mas segundo eles o pequeno carrinho suporta até motor de motocicleta. A Mirox porém não monta o pequeno Hot, cabendo a quem compra a carroceria completar o serviço.

Para as crianças bem comportadas durante o ano fica a esperança de pilotar um Hot Rod que atinge 40km/h com câmbio de 5 marchas e embreagem centrifuga.

Sim, um cortador de grama pode virar um Hot Rod...

Só pra aumentar a marra: o brinquedinho tem 5 marchas...

Haja nota boa na escola pra merecer um presente desse...

Contato: Telefone (011) 5044-6482, Blog www.miroxdesign.blogspot.com

Mas e ai?  Teve Encontro?

Opa! Claro que sim…mas muitos clássicos repetidos, desta vez lhes trago menos fotos esperando melhor sorte mês que vem. Não esqueçam todo primeiro domingo do mês a partir das 9h30 da manhã, isso se você quiser dar calote na F1…

 

FULL-SIZES

Chevrolet Caprice 1986 Lowrider

 
 

Chevrolet Cupê 1952 Rat Rod

Cadillac Eldorado 1959 Cupê

Cadillac Eldorado 1970 Conversível

 

PONY CARS

Chevrolet Malibu 1967 Sedã

Ford Mustang 1965

Ford Mustang Mach 1 1971

Ford Mustang 1965 Conversível

 

NACIONAIS

Chevrolet Caravan 4.1 250-S 1978

Dodge Dart DeLuxo 1971

Dodge Magnum 1979

Maverick Super Luxo 1974

Mais Evento de clássicos na Luz mês que vem. Até lá pessoal!

Texto e fotos: Emerson Martinez





Passat Contra o Terrorismo

28 06 2010

VW Passat 2.0 TDI: Viatura blindada contra o terror.

A Ertzaintza (pronuncia-se ertchantcha) é a policia autonômica do País Basco (Euskadi), na Espanha, e foi formada pelo Lehendakari (presidente autonômico) Carlos Garaikoetxea em 1982. A Ertzaintza notabiliza-se pelo seu grande aparelhamento policial, no combate principalmente ao terrorismo doméstico do grupo separatista ETA.

Desde 1968 até o armistício temporário dos terroristas do ETA, eles assassinaram em inúmeros atentados, cerca de 900 pessoas. Embora a palavra ‘terrorismo’ tenha seu peso, os atentados do grupo em mais de 40 anos  equivalem a um trimestre de homicídios em SP. Entre as inúmeras viaturas da polícia basca destaco aqui o Volkswagen Passat TDI 2.0.

O Passat policial conta com blindagem contra possiveis ataques.

O motor 2.0 litros, turbodiesel e 136cv garantem ao Passat 2005 em “trajes civis” uma velocidade máxima de 211km/h e aceleração de 0-100km/h em 10.1 segundos. Mas é de se supor que esta versão policial seja algo mais lenta, devido ao peso de sua blindagem. A Ertzaintza tem sua sede em Vitória, seus policiais via de regra estão sempre com os rosto cobertos por questões de segurança. Em operações de maior escala contam também com Nissans Pathfinder de fabricação espanhola (as mesmas que vemos aqui no Brasil) e para patrulhas individuais motos BMW modelo R 1200 RT.

A Ertzaintza possui além de Passat blindados, Nissans Pathfinder...

...motos BMW e muitos outros veículos...

Apesar da violência urbana no País Basco ser baixa, assim como em toda Espanha, a Ertzaintza prefere prudentemente pecar pelo excesso e primar pela segurança tanto da população, quanto do seu corpo operativo. O Passat da polícia basca, embora alemão, encontra grande leque de manutenção na região. Graças ao DNA compartido com a marca espanhola Seat e também da fábrica Volkswagen localizada em Pamplona, Navarra fabricante do Polo europeu.

Para manter as ruas seguras o Passat tem entre muitas qualidades, fácil manutenção.

Na chefatura, pronto para a patrulha.

Embora o País Basco seja a região mais rica da Espanha com uma renda per capita de US$ 43.500, não há em todo país de Cervantes grandes distorções econômicas ou sociais como observamos entre as regiões brasileiras.

Fica dificil então entender o porque da precária condição material que trabalham as policias das duas cidades mais ricas do Brasil (SP e RJ) onde há um número bem maior de ocorrências, situações de maior risco e elevados indices de criminalidade, a bordo de pobres Golzinhos e Corsinhas.

Dizem que a necessidade faz o ladrão, mas aqui infelizmente não faz a polícia.

-Emerson Martinez

 





Um Chique no Chiqueiro

27 06 2010

"Lavou tá novo mate!"

Aplicação de lama na pele é um tipo tratamento de beleza, mas obviamente isto não se enquadra a esse Bentley Continental GT. Fica então a dúvida de qual seria exatamente o “tratamento” dado ao luxuoso e muito, muito caro cupê. De qualquer maneira o proprietário pode pagar uma gorda gorjeta ao sortudo serviço de lava rápido local…

Coincidência ou não, hoje a Alemanha venceu a Inglaterra (terra de origem da Bentley) por 4×1 pelas oitavas de final da Copa do Mundo, ou seja, o futebol inglês também está na lama…”sorrey…”

-Emerson Martinez





Alemanha vs. Austrália

13 06 2010

O Clássico Supercarro X Muscle Car.

Se no futebol Alemanha x Austrália está longe de ser um clássico, o contrário poderíamos dizer destes dois modelos, que teriam tudo para duelar de igual para igual na pista. Supercarro contra muscle é sempre um clássico, muito embora haja muitos pontos destoantes, como o preço de um, dinâmica em curvas do outro, etc…Mas pelo menos neste conceito da Holden (GM australiana) os “ingleses de fazenda” capricharam no Monaro. E o pessoal da AMG com o Mercedes SL65 também não deixaram por menos. Qual destes modelo mereceria ser licenciado por você? Veja e decida.

Este Mercedão tem torque para mover montanhas...

Mercedes-Benz SL65 AMG Black Series, 2009: Por mais que uma montadora aumente a potência de um determinado modelo, existirão sempre os insatisfeitos. Principalmente se esta fábrica tiver uma preparadora afiliada. A AMG pegou a já suficientemente potente Mercedes SL65 e colocou mais alguns cavalos, afim de empurrar mais rapidamente ainda os mais de 1800kg do veículo.

Este Panzer teutônico possui 670 cavalos, e pasmem, 102 quilos de torque! E limitados eletronicamente! (Pra quê???), senão o carro chegaria a inacreditáveis 122 mkgf de pura truculência. Imagine essa coisa queimando pneus? Tal manobra poderia acordar até um vulcão.

Pesado e veloz como um jogador de Rugby...

Não é a fé que move montanhas, é este motor aqui...

Fabricante: Mercedes Benz A.G – Bremen, Alemanha

  • Motor: 6.0 litros, 12 cilindros em V
  • Potência: 670cv @ 5400rpm
  • Torque: 102 mkgf @ 2200rpm-4200rpm
  • 0-100 km/h: 3.8s
  • 0-160 km/h: 7.7s
  • 0-200 km/h: 11.0s
  • 0-400m: 11.8s
  • Velocidade Máxima: 320km/h (limitados eletronicamente) pra quê???

Holden Monaro HRT Concept: O tiro que não saiu da culatra...

Holden Monaro HRT 427 Concept, 2002: Uma pena, mas alguns conceitos saem da prancheta diretamente pro museu. E o com nosso Aussie Muscle, não foi diferente. Um crime, porque esse modelo tal como foi concebido é um legítimo Stock Car moderno. Nada a ver com essas gaiolas cobertas com uma bolha de fibra de vidro, imitando mal e porcamente um modelo de rua.

Essse Monaro cupê, reúne toda a experiência de pista da Holden, na Australian Supercar V8. São 560cv em um motor de 7 litros e 79,5 mkgf de torque, muita máquina para não se comercializar, mesmo que de forma limitada, deveriam ter ousado um pouco mais e colocado esse “Musclão” pra fazer listras no asfasto. Mas esse craque foi só promessa e não entrou em campo.

7.0 litros e 560cv que mal galoparam por ai...

Esta direção está do lado errado, do outro lado do mundo...rsrsrs!

Fabricante: GM Holden Limited – Port Melbourne, Victoria – Austrália

  • Motor: 7.0 litros, 8 cilindros em V
  • Potência: 560cv @ 6000rpm
  • Torque: 79,5 mkgf @ 4800rpm
  • 0-100 km/h: 3.8s
  • 0-160 km/h:  8.4s
  • 0-400m: 11.8s
  • Velocidade Máxima:  300km/h

Video Mercedes-Benz SL65 AMG Black Series:

(Infelizmente não foram encontrados videos do Holden  Monaro HRT 427, futuramente porém, este post poderá  ser atualizado.)

Se possível dê sua opinião aqui no Punta Taco. Diga que modelo deste comparativo você mais gostou e porquê, esperamos sua participação!

Fonte: Dados das montadoras.

Autor: Emerson Martinez

 





Troca com troco?

9 05 2010

Bugatti Atlantique Type 57SC: 73 milhões de reais, sem opcionais...

Que leilões de antigos reínem carros raros e caros, todos sabem, mas dessa vez chegou-se ao recorde impressionante de US$ 40 milhões, ou 73 milhões de reais. Imagine só você ganhar na Mega Sena e não ter dinheiro para comprar um carro de 64 anos atrás. Mas foi essa a quantia paga pelo museu Mullin Automotive localizado em Oxnard, Califórnia.

O modelo é um Bugatti Atlantique Type 57SC de 1936, esse modelo em particular pertenceu a um médico inglês chamado Harold Carr que havia encostado o carro em seu galpão. Após o seu falecimento, seus familiares desentocaram o raro modelo, que foi completamente restaurado e pintado na sua cor original, um tom suave de azul, (antes o carro tinha cor preta). Recuperado, o clássico bólido foi colocado a leilão.

O carro em 64 anos de vida rodou apenas 23, somando um total de 26,2 mil Km. Seu dono anterior  foi outro britânico de nome Ear Howe, presidente de um clube de automóveis de corrida. Ele comprou o carro em 1955 por US$ 16 mil em valores atualizados. O Atlantique foi leiloado pela casa Gooding & Company com sede também na Califórnia.

O carro é tão caro que o Chiquinho Scarpa pode ser o flanelinha...

O Atlantique chegava quase a 200km/h em plenos anos 30...

Tanto dinheiro pode ser, ao menos em parte, justificado. O Atlantique estava um pouco à frente de seu tempo. Foi projetado por Jean Bugatti, filho de Ettore Bugatti, tem uma potência de 204cv e atinge inacreditáveis 194km/h de máxima, quando na época a média era entre 80 a 100km/h. O esportivo de luxo, contava com apenas 2 lugares, e chamou muita atenção pelo design futurista, tinha excentricidades (frescuras) como uma espécie de “barbatana” dividindo ao meio toda a carroceria, unida com rebites, a mesma solução foi utilizada para unir também os páralamas.

Só restam este e mais 2...

Hoje restam apenas 3 destes modelos, o museu que o comprou se dedica a perservar elementos que identifiquem a cultura francesa, o que abrange também o mundo automobilístico.  Curioso seria imaginar que tipo de veículo poderia-se aceitar em uma troca (troca com troco?) ou quanto cobraria um flanelinha para tomar conta, se o mesmo soubesse o valor desse rubí com rodas. Uma gorjeta tão cara que até o Chiquinho Scarpa poderia ‘ficar de olho’…

-Emerson Martinez