A Fénix!

22 08 2012

Visite nossa fanpage de carros clássicos no Facebook!

Pessoal, é com grante satisfação que retomaremos as atividades neste blog, novas matérias, publicação de testes, e muitas novidades como por exemplo nossa fanpage no Facebook, a Word Classic Cars onde há foram postadas mais de 2000 imagens de carros clássicos do mundo inteiro, dividos por álbuns e países em imagens raras e em sua maioria grandes e/ou de alta resolução. Vão de  automóveis de grandes potências automobilístcas a até pequenas nações produtoras, entre nossas raras imagens foram publicadas muita publicidade antiga também. Vale a pena conferir, curta nossa página!

https://www.facebook.com/WorldClassicCars

Pedimos desculpas aos que acompanhavam nosso blog, vamos voltar de forma definitiva após quase 2 anos! É o corre-corre da vida, mas enfim quem curte automóveis esportivos, luxuosos antigos e as grandes marcas mundiais sempre será bem-vindo aqui e encontrará sempre coisas interessantes. Obrigado à todos e nos vemos amanhã!

Anúncios




Salão do Automóvel 2010

11 11 2010
Nunca na história desse país se vendeu tanto carro…

Venha você de carro ou metrô até o salão do automóvel, não importa, não há como não sentir aquela ‘depressãozinha’ pós-evento. Não só pelas máquinas mais desejadas ou pela beleza das modelos, mas também em algumas versões e opções que as montadoras expõem no salão, e que nunca de fato vemos no mercado. Chamou a atenção a invasão chinesa com 8 estandes, um país que até pouco mais de duas décadas não tinha uma produção automotiva de massa. As atenções estão voltadas agora para a penetração desses modelos no mercado brasileiro, principalmente em questões como qualidade de construção e segurança, se bem que nesse campo os automóveis brasileiros não são muito melhores…

Destacamos alguns modelos, mas de antemão aviso que aqui vocês não irão ver em destaque muitos supercarros que chamam mais atenção pelo preço do que pela performance, nem carrinhos esquizóides, ecochatos, e veículos igualmente mediocres e que geralmente são os preferidos por gente muito leiga e /ou “prática”.
 
 
Audi RS6 Avant
 
Um segmento praticamente extinto no Brasil, mas ainda com muita força na Europa, as Station Wagons, ou simplesmente peruas, que aqui foram aniquiladas por essa coisa alta, estreita e amorfa chamada monovolume. Em mercados mais evoluídos como a Alemanha, elas não só seguem firme, como também ganham opções de sonho, que pouco se fodem lixam para as emissões da Controlar ou para as leis de mercado. A Audi queria construir a perua mais veloz do mundo e conseguiu. São 500 unidades da RS6 Avant, cada uma com tração integral e 580cv, 2 toneladas de requinte, tecnologia e muito espaço interno para toda a familia, se você teve a péssima “Idea” de adquirir essas torradeiras com rodas, se corte agora com o melhor de Ingolstadt…
Audi Avant RS6: Muita potência e agressividade contra os que querem matar as peruas.

Essa perua nenhum monovolume tira da pista...

Audi RS5
 
Outro segmento morto no Brasil, cupês médio-grandes, e este outro modelo Audi, praticamente explodiu todas as cabeças cheias de confetes dos donos de Corolla, senão vejamos: ele é grande (4,65m), potente (450cv), vermelho (esta opção não existe na palheta de cores nos cérebros de muitos), e belo (virtude que é a principal causa de desvalorização no mercado nacional). Se a frota prateada de nosso trânsito cansa a beleza, o RS5 nos enche os olhos, é na minha modesta opinião o cupê mais belo do mundo em produção.

Audi RS5: Se você acha que Corolla é carro e que carro é investimento evite olhar para esse Audi.

A paixão tem número: 450cv...

 
 
Dodge Challenger Hemi  SRT
 
Ah malandro! Eu achei que a única oportunidade que eu teria para entrar em um muscle-car, e sentir o cheiro de 0km seria voltando no tempo. Mas depois de um hiato de 30 anos eu sentei no banco do motorista de um modelo Dodge, a última vez havia sido em 1980 quando eu com apenas 6 anos viajei em um Dodge Dart com meu avô e seu amigo até Indaiatuba. Só faltou eu guiar esse belo Challenger até lá também. A primeira coisa que chama atenção é o tamanho, são 5,02m contra 4,85 do antigo. O novo modelo também é mais alto, mas o espaço no banco de trás, assim como o antigo é limitado. Outra coisa em comum com o clássico é a potência (425cv) mas com um motor menor (6.1 litros) menos 900 cm³, ou menos um  cortador de grama   Celta embaixo do capô.

Mopar or your car....

"Vestindo" o Dodjão

Quisera eu ser o Kowalsky e arrancar com esse Muscle do salão...

 

Emerson Martinez

 





Salão do Automóvel 2010 (As Modelos)

2 11 2010
O serviço de táxi dentro do Salão é muito melhor que o de fora…
 
Estamos de Volta! Depois de pouco mais de um mês, devido a problemas no PC e a rotina da faculdade mas não há de ser nada, retornamos com nada menos que as gatas do Salão do Automóvel 2010. Loiras, morenas ou negras. Você escolhe por qual babar mais, e por falar em sonhar com o quase impossível, temos também as belas máquinas do evento. Mas por enquanto eleja sua passageira favorita!
 
Emerson Martinez

 





Flagras: BMW M3 (E92)

18 09 2010
BMW M3 01

Chegando ao pra passear e correr, encontrei um bom "brinquedo" para tal...

Nem sempre estou com minha câmera fotográfica, mas com um recém adquirido celular, posso flagrar com um pouco de sorte alguns carros raros e interessantes como o caso dessa BMW M3. Estava ontem indo fazer minha corrida habitual, a um ritmo de talvez uns 5 minutos e meio o km quando avistei essa jóia que cumpre a mesma distância em meros 25 segundos…

Estava ao lado da Oca no parque do Ibirapuera, quando a vi, saquei o celular e tirei umas fotos, a resolução ficou ótima então pensei: porque não postar no blog? Pois ai está, a bela peróla negra da Bavária, que saiu da sua muito bem pavimentada Alemanha para sacolejar nos buracos paulistanos, se nutrir com a nossa “álcoolina” e tendo que domar seus 414cv no pára-pára do trânsito.

Em breve teremos mais beldades possantes por aqui, bem-vindos a seção ‘Flagras’

Emerson Martinez

BMW M3 02

Sabe o que quer dizer esse M3? Você ficará para trás....

BMW M3 03

Oca? Bienal? A obra de arte está no estacionamento...

BMW M3 04

Longe de sua Bavária natal, a M3 paga seus pecados no inferno paulistano...





Vem aí, o Salão do Automóvel 2010

18 09 2010
2006 Chevolet Camaro Concept

Chevolet Camaro Concept: Estrela do Salão em 2006

Mais um (abarrotado) Salão do Automóvel se aproxima, de 27 de outubro a 7 de novembro, montadoras e expositores de autopeças e acessórios (e belas gatas) se reúnem no Pavilhão de Exposições do Anhembi em São Paulo – SP. Estaremos lá para registrar o maior número possivel de novidades com imagens e videos, tudo em breve aqui no nosso blog.

Salão Internacional do Automóvel de São Paulo

  • Preços – Crianças de 05 a 12 anos: R$ 30,00, adultos: R$ 40,00, menores de 05 anos e maiores de 60 anos entrada grátis.
  • Importante:  A organização do evento não dá descontos de meia entrada para estudantes.
  • Endereço: Av. Olavo Fontoura, número 1209, Bairro de Santana.
  • Opção: Para quem for de transporte público, há ônibus fretados gratuitos na Estação Tietê do Metrô até o Anhembi.
  • Horários: Dia 27/10 das 14h as 22h (entrada até as 21h) 28/10 até 06/11, das 13h as 22h (entrada até as 21h) e dia 07/11 das 11h as 19h (entrada até as 17h). Lembrando que no último dia tem o tradicional buzinaço de todos os carros do salão, na última hora restante do evento. Até lá!




Os Foguetes de Rüsselsheim

14 09 2010
1968 Opel GT

Opel: A matriz que na verdade é filial.

Nascida como fábrica de máquinas de costura em 1863, a Opel entrou no ramo automobilístico em 1899, e em 1929 tornou-se uma subsidiária da General Motors americana. Mas sua linha de produtos nunca teve muito a ver com o que os americanos produziram.

Apesar disso, a montadora alemã foi o embrião de outras ‘GMs’ pelo mundo, como a Holden australiana, a Vauxhall britânica, e a Chevrolet brasileira. A ligação financeira quase umbilical da Opel com a combalida General Motors quase a levou junto à falência. Seja como for eis aqui alguns dos melhores modelos produzidos em Rüsselsheim ou nas suas outras 9  fábricas espalhadas pela Europa.

Emerson Martinez





Esportivos Nacionais (Parte I)

8 09 2010
1964 Willys Interlagos

Retratos de um país que gostava de acelerar.

Postamos mais uma série de papéis de parede, agora de esportivos nacionais. Modelos que foram adaptações ou recriações de veículos estrangeiros, ou mesmo tentativas heróicas de desenvolver esportivos quase 100% brasileiros (caso de Puma, Miura, Bianco e etc). Retratos de um tempo que não volta mais, de um mercado que embora pequeno era pulsante em cores, modelos, motores e desempenho. 

Quando a fonte de alimentos destes dinossauros escasseou em 1973 (crise do petróleo) tornaram-se praticamente extintos, dando lugar a animais menores e menos famintos.  Hoje o Brasil é um mercado anual de 3,5 milhões de automóveis com apenas 2 esportivos e nenhum deles ultrapassa os 200cv. O que a antiga Chrysler nacional chamaria de “brincadeira”.

(Em breve a parte II)

Emerson Martinez